Apostila Prova Escrita

Regulamento PAF


 

1.3. Prova de Aptidão Física - PAF, de caráter unicamente eliminatório;

 

V.4 – DA PROVA DE APTIDÃO FÍSICA - PAF

 

1. Serão convocados oportunamente para realizar a Prova de Aptidão Física – PAF  todos os candidatos considerados aptos na Prova Aptidão Psicológica - PAP.

 

2. A Prova de Aptidão Física - PAF será realizada somente na cidade de São Paulo. 3. Os candidatos considerados aptos na Prova de Aptidão Psicológica - PAP serão  convidados, por meio de publicação específica, a comparecer à sessão pública, na  Academia de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”, para o sorteio dos nomes  destinados à formação da agenda da Prova de Aptidão Física - PAF.

 

4. Para realização desta avaliação, o candidato deverá comparecer no dia, local e  horário/turma previstos no Edital de Convocação. O não comparecimento do  candidato na Prova de Aptidão Física - PAF importará no seu desligamento do  Concurso.

 

4.1. O candidato deverá se apresentar com 30 minutos de antecedência, portando  documento de identidade conforme o previsto em V.2 - 6.1, e atestado firmado por  médico, emitido no máximo há 15 (quinze) dias anteriores à realização da prova, contendo o número de inscrição no Conselho Regional de Medicina e dispondo,  expressamente, que o candidato apresenta condições clínicas e cardiológicas para  participar da Prova de Aptidão Física - PAF, na conformidade das exigências do Anexo V.

 

4.2. O candidato que não apresentar qualquer dos documentos exigidos conforme  item V.2 - 6.1 e o atestado, nos termos do item anterior, será eliminado do concurso,  não sendo aceita a entrega do atestado em outro momento.

 

5. O candidato deverá trajar camiseta branca, sem qualquer inscrição, calção ou  agasalho e tênis, sob pena de desligamento do Concurso.

 

6. A Prova de Aptidão Física - PAF será realizada por banca examinadora composta  por professores da Academia de Polícia “Dr. Coriolano Nogueira Cobra”, coordenada  por professor da área Médica e da área de Educação Física e obedecerá ao protocolo  constante do Anexo IV, expedido nos termos da Portaria Acadepol 09/08.

 

7. A Prova de Aptidão Física - PAF obedecerá à ordem prevista na especificação do  Anexo V e será aplicada de forma subsequente, com intervalo mínimo de 5 minutos  entre um exercício e outro.

 

7.1. Os testes de avaliação de força de membros superiores na barra fixa serão em  pronação.

 

7.2. Nos testes de avalaição de força de membros superiores e na avaliação de  resistência abdominal será permitida uma segunda tentativa ao candidato que não for  aprovado na primeira execução do exercício. O intervalo mínimo entre a primeira e a  segunda tentativa será de 5 (cinco) minutos. Será considerada a melhor marca obtida  pelo candidato entre as duas tentativas.

 

7.3. A reprovação em qualquer teste, previsto no Anexo V, implicará na imediata  exclusão do certame.
 

 

8. O candidato eliminado em qualquer teste não poderá permanecer no local de  aplicação da prova.

 

9. A Prova de Aptidão Física - PAF, parcial ou totalmente, poderá, a critério dos  avaliadores, ter o seu momento de realização alterado, em decorrência de intempérie  ou situações afins.

 

10. Os casos de alteração fisiológica temporária (estado menstrual, indisposição, luxação, cãibra, contusão, fratura, gravidez etc.) que impossibilitem a realização da  prova ou diminuam a capacidade física dos candidatos, não serão levados em  consideração, não sendo concedido qualquer tratamento privilegiado, mesmo que  ocorram durante a realização da prova.

 

11. O candidato deverá ficar cientificado de que a Academia de Polícia “Dr. Coriolano  Nogueira Cobra” não se responsabilizará por eventuais infortúnios ocorridos durante a  Prova de Aptidão Física - PAF.

 

12. A publicação do resultado da Prova de Aptidão Física - PAF relacionará apenas  os candidatos considerados aptos.

 

13. O Edital de Convocação para a realização da Prova de Aptidão Física - PAF trará, além das informações relativas ao dia, horário e local/turma de aplicação do exame, outras determinações próprias à etapa. 14. Aplica-se a este Capítulo, naquilo que couber, o previsto em V.2 do presente Edital.

 

 
ANEXO V – AP 1/2012 – PROVA DE APTIDÃO FÍSICA - PAF

 

I – O protocolo de aplicação da Prova de Aptidão Física - PAF, nos termos da Portaria Acadepol 09/08, consiste em testes de condicionamento físico geral, realizados nesta conformidade:

 

1. avaliação de força de membros superiores;

 

1.1 barra fixa;

 

Homem: flexões na barra fixa, instalada a uma altura suficiente para que os avaliados  mantenham-se em suspensão com os cotovelos em extensão, sem o contato dos pés  com o solo; a pegada deverá ser feita em pronação, com a distância de separação  entre as mãos semelhante à distância biacromial.
 
Assumida essa posição, o avaliado deverá elevar o seu corpo, ao menos duas vezes, em sequência (sem repouso), por meio da flexão dos cotovelos, até que o queixo ultrapasse o nível da barra, retomando, em seguida, a posição inicial. O início do teste  dar-se-á no momento em que o avaliado estiver com os cotovelos em extensão total;  durante a suspensão, o avaliado deverá manter as pernas em completa extensão, não sendo permitidas oscilações do corpo.
 
Mulher: a avaliada será colocada na barra com os cotovelos flexionados de forma que o queixo ultrapasse o nível da barra, tendo as pernas completamente estendidas; livre do auxílio, deverá permanecer em suspensão por no mínimo cinco segundos.

 

 1.2 flexão e extensão de cotovelos com apoio de frente sobre o solo.

 

Homem: o avaliado posiciona-se sobre o solo em decúbito ventral, com o corpo ereto, mãos espalmadas apoiadas no solo, indicadores paralelos voltados para frente, braços  estendidos com abertura entre as mãos um pouco maior que a largura biacromial, pernas estendidas e unidas.

 

Ao iniciar o teste, o avaliado flexionará os cotovelos, levando o tórax a, aproximadamente, cinco centímetros do solo, não devendo haver nenhum contato do corpo com o solo, exceto as palmas das mãos e os dedos dos pés, devendo em seguida estender totalmente os cotovelos, ocasião em que completado um movimento, poderá dar início a sua repetição.

 

O corpo deve permanecer ereto durante o teste, sem a elevação ou abaixamento dos quadris.
 
Mulher: deverá executar o movimento apoiando os joelhos.
 
Ambos os sexos deverão executar o número mínimo de vinte movimentos em sessenta segundos. Durante eventuais interrupções do ritmo de execução, o avaliado deverá permanecer na posição inicial, com os braços estendidos, sem interrupção da contagem do tempo previsto, por meio de cronômetro;

 

2. avaliação da resistência abdominal: o avaliando coloca-se em decúbito dorsal sobre o solo, com o tronco inteiramente estendido, com as pernas fletidas e com as mãos entrelaçadas na nuca. Através de contração da musculatura abdominal, adotará a posição sentada, fixos os pés por um auxiliar. É requisito para execução correta do movimento que os cotovelos levados à frente toquem a linha dos joelhos durante a flexão. Em seguida, o avaliando retomará a posição inicial até que toque o solo com a superfície escapular, completando um movimento, quando então poderá dar início à repetição.

 

Ambos os sexos deverão executar o número mínimo de vinte movimentos em sessenta segundos. Será permitido o repouso entre os movimentos, sem a interrupção da contagem do tempo previsto, por meio de cronômetro;

 

3. avaliação de resistência aeróbia: o avaliando deverá percorrer em uma pista de atletismo ou em uma área demarcada a distância mínima de dois mil metros em um tempo máximo de doze minutos.

 

II - Orientações gerais aos avaliandos:

 

1. a última refeição deve ser feita pelo menos duas horas antes do teste;

 

2. os fumantes devem se abster de tal prática duas horas antes e duas horas após o término do teste;

 

3. as roupas devem ser compatíveis com a prática de exercício físico (camiseta branca, sem qualquer inscrição, calção ou agasalho e tênis);

 

4. a Prova de Aptidão Física - PAF, parcial ou totalmente, poderá, a critério dos avaliadores, ter o seu momento de realização alterado, em decorrência de intempérie  ou situações afins.

 

 

Telefones para contato:

 

Claro Fixo: (11) 2839-8655  - Claro: (11) 98902-9236   Vivo Fixo: (11) 3228-3786 - Fixo (11) 7007-3601  Vivo:(11) (11) 97595-7032  Oi: (11) 99414-5847   TIM: (11) 98356-0263 Nextel: ID:55*121*8192  

 

Está página contém uma mensagem rolando.